ANIMAIS NO SÍTIO

A vida no campo é bem diferente da metrópole: a rotina, os hábitos, o tipo de trabalho e o estilo de vida. Muitas pessoas que vivem nas áreas campestres não trocam por nada a tranquilidade, a proximidade com a natureza, o ar livre de poluição e tomar conta do cultivo de plantas e criação de animais.

Há algum tempo, a economia de subsistência era mais predominante nas regiões rurais, ou seja, os grupos familiares criavam animais e cultivavam plantas para o consumo próprio.

Apesar de ainda haver famílias que sobrevivem desta forma, atualmente é muito mais frequente que o trabalho nas regiões campestres seja focado na comercialização de produtos que são produzidos nos sítios, tanto para outros estados como para outros países.

Desta forma, nos sítios e fazendas é mais prevalente a criação de animas que além de auxiliarem na produção de produtos como ovos e queijo, são parte essencial da vida campestre e podem ser bons amigos e companheiros.

Confira a seguir os principais animais do sítio e as suas características! Além do mais, quando o assunto é sítio, não podemos deixar de falar sobre os animais que podem viver nele!

fazenda
Imagem de holzijue por Pixabay

A VACA

Quando pensamos em um sítio ou fazenda, a vaca é o primeiro animal que vem em nossa mente. Pertencente a espécies dos mamíferos, ela é uma ótima produtora de leite, podendo produzir cerca de três baldes por dia. O leite é utilizado não somente para beber, mas também na confecção de iogurtes, queijos, manteigas entre outros. A vaca é considerada um animal ruminante, ou seja, o conteúdo alimentar volta do rumem (compartimento do estômago) para a boca.

A GALINHA

A galinha é outro animal que não pode faltar no sítio. Ela pertence a espécies das aves e seus ovos são uma importante fonte de vitaminas e proteínas. Ao contrário do que muita gente pensa, nem sempre o ovo vai dar origem a um pintinho. Para que nasça um pintinho dentro do ovo, é necessário que ele tenha sido fecundado (já que é o óvulo da galinha) pelo galo e que ele seja chocado pela galinha. As galinha se alimentam principalmente de minhocas e outros pequenos insetos, grãos de milho e algumas hortaliças.

galinha
Imagem de Pixamio por Pixabay

O PORCO

O porco é um animal conhecido por viver em meio à sujeira, mas isto não é totalmente verdade! Ele é dócil e inclusive há algumas pessoas que o cria como animal de estimação. Também pertence a espécie dos mamíferos e quando a fêmea tem os seus filhotes, ela dá a luz a dezenas de leitões e possui doze tetas para alimentá-los.

O CAVALO

O cavalo marca a sua presença nas paisagens dos sítios e das fazendas, sempre auxiliando o homem em diversas atividades como no transporte, agricultura e locomoção. A égua, que é a fêmea do cavalo, possui uma gestação que dura onze meses e da à luz a somente um filhote. Esses animais dormem aproximadamente oito horas por dia e o mais curioso é que eles possuem preferência por dormir em pé!

cavalo
Imagem de Alexas_Fotos por Pixabay

A CABRA

A cabra não é um animal muito dócil. Quando alguém chega perto, deve ter atenção, pois este animalzinho come tudo quanto é coisa que vê pela frente; seja sua bolsa, boné ou até mesmo sua roupa. O bode, que é o macho da cabra, apresenta um comportamento ainda mais violento quando está irritado, pode atacar com os seus chifres, que são mais longos e pontudos do que os da cabra. Com alto teor de gordura, o leite da cabra pode ser bebido ou utilizado para a produção de queijo, que é muito saboroso.

O PATO

Em alguns sítios há lagos com patos, que são aves muito elegantes. A pata põe os seus ovos no chão perto da água e se ela não estiver perto no momento que os ovos eclodirem, os patinhos consideram como mãe qualquer outro animal que estiver por perto. Quando sai para andar com os seus filhotes, a pata não deixa nenhum deles para e trás e sempre aguarda que todos estejam juntos para continuar a caminhada.

pato
Imagem de Alexas_Fotos por Pixabay

O PÁSSARO

Tem coisa melhor do que acordar com o canto dos pássaros? Esses animais exalam beleza e liberdade. Os pássaros são muito importantes para a natureza, pois ao voarem de flor em flor para se alimentarem do néctar, eles carregam o pólen e permitem a fertilização de novas flores e produção de sementes.

passaro
Imagem de Jill Wellington por Pixabay

A OVELHA

A ovelha é um animal que pode viver nos sítios, em rebanhos. Elas são animais espertos e afetivos, e são encarregados pela produção de lã, que é utilizada nos aconchegantes e quentinhos casacos de inverno. Além da lã, as ovelhas também produzem leite. O período de gravidez é de 5 meses e ela da a luz a até três filhotes. O carneiro, que é o macho da ovelha, pode ser um pouco mais agressivo.

O CACHORRO

O mais fiel amigo dos homens, o cachorro é um animal de estimação super carinhoso, alegre e adora correr ao livre. Eles são ótimos companheiros além de serem bons guardiões. Ter um cachorro no sítio deixa tudo mais feliz.

O GATO

O gato é um animal doméstico super dócil e fofinho! Eles são muito espertos, atentos, elegantes, flexíveis e adoram ficar ao ar livre e no meio das plantas do sítio. Ao contrário do que muitos dizem, o gato cria sim amor pelos seus donos e são muito afáveis – apenas possuem uma personalidade mais independente.

Curiosidades:

Já que acabamos de falar sobre dois animais domésticos (o gato e o cachorro) uma curiosidade interessante sobre eles é o que o primeiro animal que foi domesticado foi o cachorro. Pesquisadores supõem que eles se tornaram os melhores companheiros do homem a aproximadamente 30 mil anos atrás atraídos, de inicio, pelos restos de comida deixados pelos humanos. Já os gatos, só surgiram com o início da agricultura, quando o estoque de grãos atraiu os roedores e, consequentemente, os gatos passaram a conviver com os humanos.

Esses foram os principais animais que podemos encontrar no sítio! Estar em harmonia com eles assim como com a natureza é muito importante para conquistar bem estar e plenitude. Até a próxima!