TEMPEROS DO SÍTIO

Todo mundo gosta de comer uma bela refeição caseira bem temperada, cheirosa e saborosa, não é mesmo? Temperar os alimentos é uma maneira de realçar o sabor e o aroma, tornando as preparações muito mais apetitosas e prazerosas.

Entretanto, atualmente há diversos temperos pré-prontos nos mercados. Todos eles apresentam altas concentrações de sódio e são prejudiciais à saúde.

Já os temperos naturais, aqueles vindos do sítio, além de serem muito mais saborosos, são bem mais saudáveis e nutritivos.

Confira a seguir os benefícios, as propriedades medicinais e culinárias dos temperos do sítio e delicie-se com o aroma e o sabor que eles têm para oferecer às suas receitas!

temperos
Imagem de RitaE por Pixabay

Os temperos são fundamentais para tornar um prato mais saboroso, reconfortante e até mesmo inesquecível. E para isto, não é preciso exagerar no sal ou utilizar temperos prontos.

Pelo contrário: os temperos frescos vindos do sítio são recheados de sabor, propriedades nutritivas e valorizam os ingredientes das suas preparações.  

POR QUE OPTAR PELOS TEMPEROS NATURAIS?

Não faltam motivos para dar preferência aos temperos frescos vindos da horta.

O consumo exagerado de sódio, que é o principal mineral presente no sal de cozinha e nos temperos prontos, geram sérias consequências para a saúde.

O brasileiro consome em média 12 gramas de sal por dia, mais do que o dobro recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) que é equivalente a 5 gramas.

O consumo exagerado de sódio e temperos prontos gera diversos malefícios à saúde, como:

  • Aumenta a pressão arterial predispondo doenças como hipertensão, infarto agudo do miocárdio, AVC (Acidente Vascular Cerebral) e problemas renais;
  • Em média, 1 colher de chá dos temperos prontos contêm mais da metade da recomendação diária de sódio;
  • Indivíduos que utilizam temperos prontos com frequência sofrem modificações em seu paladar, tornando-se dependentes à eles;
  • Substâncias presentes nos temperos industrializados como o glutamato monossódico, geram efeito tóxico no Sistema Nervoso Central além de predispor o ganho de peso.

Bem, mas já que esses temperos prontos e o consumo abusivo de sal geram tantos malefícios para a saúde, qual é a melhor opção para deixar as receitas mais saborosas? Simples! Basta utilizar os temperos frescos do sítio! Eles são muito mais nutritivos e vão dar aquele gostinho que só a boa comida caseira tem.

USO CULINÁRIO E MEDICINAL DOS TEMPEROS DO SÍTIO

Como é bom comer aquela receita com ervas frescas…

Confira a seguir o uso culinário e medicinal dos principais temperos do sítio.

  • ALECRIM

O alecrim desenvolve praticamente o ano todo, exala um aroma super agradável e sua essência inclusive é utilizada em perfumaria para a produção de colônias.

USO MEDICINAL: é capaz de baixar a febre e combater a fadiga muscular.

USO CULINÁRIO: o alecrim fica ótimo em preparações de aves, carne suína e batatas gratinadas. Também é utilizado em receitas de carneiro e vitela assada. Em churrasco, espalhar um pouco de alecrim sobre o carvão ajuda a perfumar a carne.    

  • CEBOLINHA

Vinda do oriente por Marco Polo, o uso da cebolinha rapidamente se espalhou na cozinha ocidental.

USO MEDICINAL: contem ferro, vitaminas e minerais, abre o apetite além de melhorar a digestão e tratar doenças das vias respiratórias.

USO CULINÁRIO: este tempero super saboroso é utilizado principalmente em carnes, saladas sopas e omeletes.

  • COENTRO

O coentro é um tempero de sabor marcante muito presente na culinária do nordeste brasileiro.

USO MEDICINAL: o chá de coentro é capaz de aliviar dores gástricas e a compressa com as suas filhas possui ação anti-inflamatória.

USO CULINÁRIO: possui um sabor forte e marcante que combina muito bem com peixes, frutos do mar, moqueca e carnes ensopadas. O coentro é um dos ingredientes do molho curry.

  • ERVA DOCE

A erva doce é um ingrediente proveniente da bacia do Mediterrâneo e atualmente é cultivado em regiões tropicais e subtropicais.

USO MEDICINAL: alivia gases, cólicas menstruais e trata problemas renais.

USO CULINÁRIO: é frequentemente utilizado na culinária mediterrânea e pode ser incorporado em bolos (como o de fubá) e sopas frias. 

  • MANJERICÃO

O manjericão é uma erva aromática que possui um sabor intenso e muito agradável.

USO MEDICINAL: alivia enjoos, dores gástricas além de ser um repelente natural de insetos.

USO CULINÁRIO: pode ser incrementado em molhos de tomate, massas, omeletes e saladas.

temperos do sitio
Imagem de Goumbik por Pixabay
  • ORÉGANO

O orégano é um tempero muito conhecido e utilizado sendo que as suas folhas frescas são ricas em sabor e aroma.

USO MEDICINA: trata problemas respiratórios, alivia dores de cabeça, nervosismo e estresse, além de melhorar a digestão.

USO CULINÁRIO: este é um tempero que não pode faltar na cozinha italiana onde é utilizada em molhos, carnes, legumes e claro, na pizza.

  • LAVANDA

As flores de lavanda apresentam uma fragrância suave e são usadas em banhos desde a época dos antigos romanos, além de ser útil para afastar insetos e parasitas.  O plantio comercial pode ser utilizado para extrair o óleo das flores.

USO MEDICINAL: o chá das flores de lavanda apresentam ação diurética, estimulante e melhora o funcionamento intestinal

USO CULINÁRIO: De maneira geral, as flores secas são vendidas como especiaria, porém as flores frescas podem ser utilizadas na culinária. Este ingrediente é muito comum na cozinha europeia e africana, e combina principalmente com preparações doces como sorvetes, pudins e cremes.

temperar
Imagem de scartmyart por Pixabay
  • SALSINHA

O cultivo da salsinha é realizado há mais de 300 anos sendo uma das ervas aromáticas mais populares da gastronomia.

USO MEDICINAL: apresenta altos teores de vitaminas A e C, combate o mal hálito e favorece a elasticidade da pele.

USO CULINÁRIO: muito utilizada na preparação de carnes, molhos e caldos, aves, saladas além de servirem como decoração de pratos.

  • CEBOLA

A cebola é um tempero bem popular, democrático e pode ser utilizada em diversas preparações, atribuindo muito mais sabor.

USO MEDICINAL: apresenta propriedades antioxidantes, melhora a digestão e possui ação antibiótica.

USO CULINÁRIO: você pode consumi-la crua em saladas, fazer um bife acebolado, temperar o arroz, feijão, peixes e aves.

  • ALHO

Assim como a cebola, o alho é um tempero bem popular e vai bem em diversas receitas.

USO MEDICINAL: melhora a circulação sanguínea e elimina impurezas e toxinas do sangue.

USO CULINÁRIO: o alho pode ser utilizado para temperar arroz, feijão e carnes no geral.

Invista nos temperos frescos vindos do sítio para incrementar e dar mais sabor as suas receitas! Sem dúvida os seus pratos serão saborosíssimos,  inesquecíveis, vão agradar o paladar de todos da sua família além de trazer muito mais saúde para a mesa!